Glossário

Conheça os labels (rótulos) e as principais siglas comuns no universo da Barbie:

Pink Label: São as bonecas vendidas nas lojas de brinquedo licenciadas pela Mattel ou seus representantes. Não há número máximo de Barbies feitas. Geralmente são as mais baratas.

Black Label: É uma categoria intermediária aos rótulos Pink Silver Label e classifica as Barbies focadas na cultura pop em geral (homenagens à cantores, marcas famosas, etc.), voltadas para o público adulto. São feitas em larga escala: mais de 25 mil unidades em todo o mundo.

Silver Label: Vendidas em poucas lojas ou em nenhuma, dependendo da região. São feitas até 25.000 bonecas, distribuídas pelo Mundo inteiro. Presume-se que este rótulo foi substituído pelo Black, já que há algum tempo não se vê mais lançamentos de bonecas rotuladas como Silver. A partir de 2015 o selo foi reeditado e passará a ser usado novamente.

Gold Label: Mais difíceis de achar, são feitas até 10.000 unidades pertencentes a esta classificação. Os preços costumam ser bem mais altos do que as bonecas classificadas como Silver ou Pink label;

Platinum Label: Raríssimas, somente até 1.000 edições de cada Barbie desta classificação são feitas para todo o Mundo, incluindo nesta seleção as chamadas One-Of-A-Kind (OOAK), bonecas feitas em edição única para homenagear e, assim, presentear determinada celebridade, como é o caso da feita para a escritora J. K. Rowling (autora da série de livros Harry Potter), a tenista Kim Clijsters e Crown Vitoria, Princesa da Suécia. Caríssimas, as bonecas Platinum Label são confeccionadas com o que há de melhor em pedrarias, tecidos e demais materiais usados em sua criação.

Clique aqui para ler sobre a mudança nos labels a partir de 2015.

Barbie Fan Club ExclusiveBonecas comercializadas exclusivamente no site Barbie Collector (www.barbiecollector.com) e somente para membros do Barbie Fan Club (BFC).

Direct ExclusiveBonecas vendidas somente aos hermanos norte-americanos pelo catálogo do Barbie Collector ou pelo site.

Classificações anteriores aos Labels

Timeless TreasuresEsta classificação é dedicada aos astros e estrelas do cinema e da música.

Collector Edition: Bonecas produzidas em um número superior à 35.000 unidades. Este termo caiu em desuso quando da criação dos Labels.

Limited Edition: Bonecas com produção inferior à 35 mil unidades. Este termo também tem caído em desuso.

Outras siglas e nomenclaturas comuns

NRFB: Never Removed From the Box (Nunca retirada da caixa), esta sigla é destinada àquelas bonecas que jamais foram retiradas da caixa e que a embalagem está em perfeitas condições, como nova. Para quem pretende comercializar suas bonecas, as que estiverem neste estado valem muito mais.

HTF: Hard To Find (Algo como difícil de encontrar). Termo geralmente empregado às bonecas raras.

MIB: Mint In The Box (algo como em bom estado de conservação na caixa), destinada àqueles casos em que a boneca foi retirada da caixa, apenas para observação, e recolocada em perfeito estado, sem maiores estragos.

MNB: Mint No Box (em bom estado, porém sem caixa). Esta sigla é usada naqueles casos em que a boneca está em perfeito estado, porém sem a caixa.

Costumized Doll: (Boneca Customizada/Personalizada): neste caso houve uma alteração no traje, acessórios ou cabelo da boneca, algo parecido com as OOAKs.

Secondary Market: (Comércio secundário), esta sigla representa aquelas bonecas comercializadas no Mercado Livre ou em sites como o eBay, por exemplo,  geralmente vendidas por colecionadores,  e não pela fabricante ou revendedoras autorizadas.

Deboxed: (Sem caixa ou retirada da caixa) quando a boneca foi totalmente retirada da caixa e que o colecionador não possui mais a embalagem (ou venderá a boneca sem embalagem).

Vintage Barbie: Todas as Barbies produzidas antes de 1972.

Modern Barbie: Barbies produzidas após 1972.

Silkstone: Material usado principalmente nas bonecas pertencentes à Barbie Fashion Model Collection (BMFC), semelhante à porcelana. Em português o termo seria algo como Pedra de Seda (Silk, de seda e Stone, de pedra). O material tem um toque aveludado, super delicado.

Bendable legs: (Pernas flexíveis) termo usado a partir de 1960, quando a Mattel introduziu no mercado bonecas com as pernas dobráveis.

Twist ‘N Turn: Termo usado para designar as bonecas que podiam girar a cintura para os lados. A técnica foi usada nas bonecas lançadas a partir da década de 1960. Também é o nome de um head mold de Barbie.

Head mold/Face mold: Expressão usada quando se fala no molde de cabeça dos bonecos em geral.

Quanto a cor da “pele” e cabelo da boneca

Caucasian: Bonecas com “pele” branca.

Afro-American (AA): Bonecas negras afro-americanas.

Brunette: Bonecas brancas com cabelos castanhos ou pretos.

Barbies antigas

#1 Ponytail (Rabo de cavalo, penteado que toda mulher ou homem com cabelos longos já fez um dia): Barbie original do ano de 1959. A maquiagem é marcada pela íris branca, liner azul e furos na base dos pés, para colocação do pedestal.

#2 Ponytail: Igualmente uma Barbie de 1959, com mesmo make, mas sem o furo na planta dos pés da boneca.

#3 PonytailBarbie original do ano de 1960, com make marcado por íris azul e sobrancelhas curvadas.

#4 PonytailBarbies de 1960, com o corpo em vinil.

#5 Ponytail: Barbie de 1960, ostentando novo tipo de cabelo e mais leve que as feitas em anos anteriores.

Técnicas

Reroot: ou troca de cabelos, é a técnica de reimplantar cabelos em bonecas (retirando os originais e trocando por fios novos, de cor e tamanho diferentes). É preciso retirar totalmente o cabelo original da boneca. Com o auxílio de agulhas de costura (maiores e mais grossas que agulhas comuns), as novas mechas de cabelo artificial são costuradas à cabeça da boneca (seguindo os “furinhos” já existentes na cabeça). Há vários tipos de técnica para fazer reroot. Requer prática para o aperfeiçoamento da técnica. Veja exemplos nos vídeos abaixo (segundo vídeo dica da Lady LoLo):

Repaint: é o ato de remover a pintura original do rosto das bonecas e repintá-lo do jeito que você desejar. Também requer prática para o aperfeiçoamento da técnica, complexa e que leva algum tempo para o aprendizado. Profissionais usam tintas específicas para o vinil/plástico, que não saiam com o tempo. Com o auxílio de finos pincéis, refazem toda a pintura do rosto da boneca, desde olhos até lábios. Veja um exemplo no vídeo abaixo:

Rebody: é o ato de trocar o corpo da boneca por outro. Para tanto, é necessário retirar a cabeça original. Ao pesquisar na web, você encontrará vários tipos de técnicas que possibilitam a retirada da cabeça original. Neste link – em inglês –  há um passo a passo de como a técnica pode ser aplicada (inclusive em Barbies).

***

Observação: se gostou desta informação, não copie. Ao contrário: compartilhe a página. 

Anúncios

17 comentários sobre “Glossário

  1. Boa noite

    Estou a procura de alguém que trabalhe com personalização de Barbies, porém estou tendo dificuldades em encontrar.

    Vc teria o contato ou indicação de alguém, gostaria de adquirir uma Barbie personalizada para dar de presente.

    Aguardo
    Obrigado.

  2. Olá, quero me tornar colecionadora e seu blog foi um grande achado, já está nos favoritos. Tenho uma grande dúvida sobre repainting. Queria saber quais tipos de tintas e espessuras de pincéis. Acho essas informações e outras dicas de produtos, mas tudo em inglês, e além dos problemas com o idioma, esbarro na dificuldade de achar tais produtos a venda aqui no Brasil, já que as indicações são de produtos que eles costumam achar com facilidade por lá. Ouvi dizer que lápis aquarelável e tinta acrílica, assim como pastel seco, podem ser usados em bonecas de vinil. Pode m dar essa orientação?? Seu blog é maravilhoso, bjs!!

  3. Olá, Samira!
    Gostaria de saber se as Barbies Styles (aquelas com cílios grandes), que foram lançadas esse ano, fazem parte de algum rótulo (Pink Label??). No site barbiecollector.com eles não informam.
    Obrigada e parabéns pelo blog!

    1. Olá Ana Paula, tudo bem?
      Bem, a foto que você deve ter visto em um dos posts provavelmente é de terceiros, uma vez que não possuo essa boneca na coleção. Por favor, verifique novamente a foto e provavelmente constará na legenda o crédito de quem ela pertence (e até o link; clicando sobre a foto possivelmente você será redirecionada para a página de origem da imagem).
      Abs. e obrigada por visitar o blog!
      Samira

  4. Olá, amo seu blog!!! sempre o procuro para tirar duvidas sobre Barbie. Sou colecionadora tambem, mas tenho poucas Barbies Collector e muitas Basicas (sabe feitas a para crianças). Enfim, minha pergunta é a seguinte: Gostaria de saber quando sera a proxima Convenção, se é aberta a qualquer tipo de Colecionador, onde sera e como faço para participar? Não quero perder mais esse evento. Sou louca pra participar!!! Por favor, me responda é meu sonho!!! Mil Bjus!!! Raphinha

    1. Olá Rapha!
      Obrigada por visitar o blog e pelos elogios 🙂
      Sobre a convenção, esse ano acredito que não terá, até porque se formos nos basear pela convenção realizada em 2011, já sabíamos de sua realização desde o primeiro semestre do ano. A esperança é que haja a do ano que vem (quem sabe até a homenageada da vez seja Midge?). Enfim, tomando a última como referência, o evento geralmente é destinado para maiores de 14 anos de idade. Fora isso, é aberta tanto para colecionadores homens, mulheres, adultos, enfim…
      Pode ter certeza que se ano que vem for realizada uma nova convenção – é o que torcemos! – você saberá informações pelo MBD 😉
      Beijo e obrigada pela visita!

  5. Obrigada pela informação, estava mesmo querendo saber o significado.
    Sam, se possível queria saber quanto você paga por cada silkstone mais ou menos?
    Obrigada novamente, beijos :*

    1. Oi Gio!
      Bem, os preços das silk’s, quando compradas no Brasil, variam de 200 a 600 reais – ou até mais!, dependendo do modelo, da popularidade dela (se é um item que esgotou rapidamente) mas também pela raridade. Como são Gold Label (algumas Platinum) elas são numeradas. A Silk mais cara que já paguei foi a Grace Kelly The Bride (custou cerca de 550 reais). É claro que comprando via terceiros direto dos EUA sai bem mais em conta. Por exemplo, a BFMC Mila saiu para mim por menos de 200 reais (a comprei direto dos EUA e mesmo pagando a comissão para a vendedora, ainda valeu mais a pena do que se a tivesse comprado aqui; é claro que há o risco de ser tarifada na alfândega, tem que ter sorte).
      Apesar de caras, valem muito a pena, porque o acabamento final, os trajes, os detalhes são minuciosos. É claro, sempre há exceção para toda a regra, existindo alguns modelos medianos. Porém grande parte das bonecas feitas em Silkstone são belíssimas (são um pouco mais pesadas, por conta do material que é quebrável, bem delicado).
      Beijos!

  6. Ola Samira eu te tenho uma prima que mora em feira de santana ela que saber se você sabe se pode vender essas barbies em homenagens a celebridades em feira ou em outra cidade ou pela internet??? BJS!!!!!!!!!!TATI!!!!!!!!!!!!

Deixe seu comentário no espaço abaixo! Obrigada! :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s