Coleções que simplesmente não aconteceram

Toda vez que uma Collector é lançada é impossível não ficarmos imaginando como serão as próximas Barbies que farão parte da coleção. Porém nem sempre todas as séries criadas continuam sendo lançadas. Algumas vezes pelo fato da primeira boneca lançada não ter feito sucesso e outras por motivos que provavelmente jamais saberemos. O fato é que existem muitas coleções que simplesmente foram descontinuadas após o lançamento de apenas uma delas. Algumas após algum tempo acabam sendo inseridas em outras coleções pelo próprio site do BC.

Conheça abaixo algumas coleções anunciadas e que jamais se completaram:

As três bonecas da coleção “The Essence of Nature” que, como o próprio nome sugere, remete aos elementos da natureza (quatro no total). A boneca representando o quarto elemento, Terra, jamais foi lançada | Crédito da imagem: lecrystiqueboutique/eBay

Definitely Diamonds Barbie Doll (1998): Na tampa da caixa desta Barbie a descrição deixa clara que ela é a primeira de uma série chamada Jewelry Collection, em que Barbie usa sofisticadas joias verdadeiras. Porém outras Barbies desta coleção não foram vistas e a Definitely Diamonds acabou inserida na série More Fashion Dolls.

Crédito da imagem: Divulgação Barbie Collector/Mattel

The Essence of Nature Collection: Ao contrário de outras coleções apresentadas neste post, Essence of Nature não foi descontinuada após o lançamento de apenas uma boneca. Porém os colecionadores que compraram a primeira Barbie da série inspirada nos quatro elementos da natureza esperavam justamente que a coleção tivesse quatro Barbies representando Terra, água, ar e fogo e não foi isso que aconteceu. A Barbie representando a terra jamais foi lançada para se juntar às demais da série:

Water Rhapsody Barbie Doll (1998): Representa o elemento água.

Crédito da imagem: Divulgação Barbie Collector/Mattel

Whispering Wind Barbie Doll (1999): Representa o elemento ar.

Crédito da imagem: Divulgação Barbie Collector/Mattel

Dancing Fire Barbie Doll (2000): Representa o elemento fogo e encerrou esta série, já que não houve outra Barbie nesta coleção.

Crédito da imagem: Divulgação Barbie Collector/Mattel

Rose Barbie Doll (1999): Anunciada como a primeira da série A Garden of Flowers. Nunca foram lançadas outras Barbies nesta coleção.

Crédito da imagem: Divulgação Barbie Collector/Mattel

Em 2001 outra Barbie também veio vestida como uma rosa, porém era a primeira de uma nova coleção chamada Flowers in Fashion (clique no link para visualizar). Esta coleção, sim, teve continuidade.

Barbie Had a Little Lamb (1999): A descrição na frente da caixa diz que esta Barbie é a primeira de uma coleção chamada Nursery Rhyme Collection, porém nenhuma outra foi lançada como pertencente a esta coleção. No site do BC ela está incluída na coleção More Children’s Dolls.

Crédito da imagem: Divulgação Barbie Collector/Mattel

Far Out Barbie Doll (1999): O nome da coleção que aparece na caixa desta Barbie é Twist’ N Turn Collection porém não apareceram outras bonecas com esta mesma descrição e no site ela acabou inserida em More Pop Culture Dolls. Convenhamos que é uma coleção bem estranha para inserir uma repro!

Crédito da imagem: Divulgação Barbie Collector/Mattel

Cool Collecting Barbie Doll (2000): Esta deveria ser a primeira Barbie de uma série com o mesmo nome da boneca: Cool Collecting. Porém como não foi lançada uma segunda Barbie da mesma coleção ela está inserida como More Pop Culture Dolls, que aliás parece ser a coleção destinada a inserir as mais diversas Barbies que não se encaixam em outras coleções!

Crédito da imagem: Divulgação Barbie Collector/Mattel

Western Plains Barbie Doll (2000): Na tampa da caixa desta Barbie em estilo country consta que ela faz parte da coleção Lifestiles of the West, porém outras Barbies desta coleção não foram lançadas e ela foi inserida na coleção More Pop Culture Dolls no site do Barbie Collector, junto com personagens de cinema e outras com temas diversos.

Crédito da imagem: Divulgação Barbie Collector/Mattel

Glamour Gal Betty Boop (2001): Nem as bonecas que representam celebridades estão livres de não ter suas coleções canceladas. A famosa personagem de desenhos animados foi anunciada como parte de uma nova série chamada Forever Betty Boop, porém ao que parece a única que ficará para sempre nesta coleção será mesmo a Glamour Gal.

Crédito da imagem: Divulgação Barbie Collector/Mattel

Society Hound Barbie Doll (2001): Super elegante esta Barbie levando seu cão para um passeio foi a única lançada na coleção Society Hound Collection.

Crédito da imagem: Divulgação Barbie Collector/Mattel

Aparentemente isto não tem acontecido em coleções recentes. Provavelmente o pessoal de marketing da Mattel tem se empenhado em lançar as séries completas e provavelmente nos casos onde a primeira boneca de uma série não vende bem, lançam tiragens menores em que é mais fácil vender toda a produção. Convenhamos que é muito chato comprar uma Barbie e descobrir tempos depois que ela ficará sozinha simplesmente pelo fato de que a coleção dela não será lançada.

E você, conhece alguma coleção que aparentemente não foi dada continuidade? Comente conosco!

 

 

Anúncios

20 comentários sobre “Coleções que simplesmente não aconteceram

  1. é uma pena ! as bonecas sao lindas! ah, Sam, refazendo a pergunta que eu tinha feito sobre a Polly; o que vc acha dessas bonecas?e segundo ;vc acha que a Mattel na epoca fez a Polly com as características da Barbie?talvez foi por causa que a venda da Barbie estava baixa?

    1. Oi!
      Como tinha respondido no post sobre como tirar manchas: sobre as Pollys, acredito que seja justamente um dos pontos que você tocou: uma forma de inovar as vendas e lançar no mercado uma boneca que lembrasse a Barbie, mas em proporções menores, com uma série de acessórios que dessem para trocar e brincar à vontade. Algo, portanto, “brincável”, se é que dá pra usar um neologismo desses. Fato é que nesses mais de cinquenta anos Barbie já teve seus altos e baixos quando o assunto é vendas. Logo, é natural que a fabricante de brinquedos invista em inovações para continuar faturando. E a Polly pode ter surgido nesse contexto justamente para continuar a onda de vendas. Algo que deu certo e que continua até hoje. Em virtude disso, ainda acredito no sucesso de Barbie, afinal de contas, existir e se renovar em mais de cinquenta anos não é mérito pra qualquer brinquedo, muito menos fabricantes. Espero ter auxiliado! 🙂

  2. Uma coleção que foi descontinuada para dar início a outra, as Fashion Fever, que sairam dos tubos, vieram para corpos menores e caixas representando vitrines de loja e depois para caixas retangulares normais e braços articulados, e por último corpo belly com roupas totalmente comuns e sem nada demais, só que com a era fashionista wave 3 em diante tivemos a famosa ECONOMIA de tecidos ou meio estampados (half printed) sumiço de todas amigas lindas da barbie para as básicas teresa,nikki, agora summer e raquelle. enfim a marketing tá TRASH!

    1. realmente as barbies estao vindo muito sem graça(algumas playlines)não só pela economia de tecido mas pelo exagero de glitter nas roupinhas ! foi se os tempos que as barbies fashion estavam vindo com as roupinhas legais(ex:a fashion fever e ate algumas quero ser como a estilista)

    2. Falou tudo, amo as Fashion Fever…e as Fashionistas, mas com certeza da nova coleção 2013 só comprarei Nikki, Raquelle e Ken. QUe estão lindos.

      Teresa parece aquelas Barbies de 20 reais, Summer, totalmente sem sal, Barbies 1 e 2, mais do mesmo.

      Enfim, realmente é muito chato comprar uma Barbie ou qq outro produto esperando na continuação,e a mesma simplesmente sumir.

      Não sou muito fã de Barbies Vintage, tirando a Francie que é linda…mas a Cool Collecting Barbie Doll… é linda demaaaais! Amei.

      Beijos Sammy e a todos!

  3. Concordo com que o Pedro falou, é uma pena mesmo, as dolls são tão lindas, principalmente as dolls da coleção “The Essence of Nature”, e sobre as FF, concordo com o Viktor, antes as dolls playlines, tinham bem mais qualidades, variedades de face mold, várias amigas da Barbie e looks super fashion!!!

  4. Samira, tudo bem? Estas Barbies únicas de coleções que não “vingaram”, são supervalorizadas, desprezadas ou isso não importa para os colecionadores? A Barbie com o cão é sensacional!! Bjks

    1. Oi Cecília! Conversei com André a respeito e chegamos a um consenso: atualmente o preço depende mais das quantidades produzidas de cada Barbie do que propriamente da coleção a que pertençam. Por exemplo a Betty Boop é difícil encontrar até mesmo no eBay; quando aparece geralmente cobram caro. Society Hound é Limited Edition e tem o preço equivalente a outras bonecas com mesmo selo cujas tiragens também são pequenas; já a Had a Little Lamb que é Collector Edition – cujas tiragens costumavam ser grandes – costuma ser encontrada por preços baixos. Então aparentemente é uma relação direta entre quantidade produzida X procura.
      Espero que tenhamos te ajudado! Bj

  5. Na verdade este post foi devido á promessa da Mattel de fazer uma série á partir da Barbie Ghost. Mas, como seria uma barbie representando Terra? Queria muito ver a coleção A Garden of Flowers, uma pena. Bom, todo mundo já está cansado de saber que a qualidade das roupas e tudo mais na Barbie caiu drasticamente, e é isso que dá mais raiva: Caiu qualidade e aumentou o preço. Pior, A Mattel parece que está mesmo deixando a Barbie de lado pra dar bem mais atenção ás Monster High, cada vez mais sofisticadas, com roupas e acessórios bastante diversificados – tem banheira da Draculaura, carro da Draculaura…, isso realmente me chateia. Desculpe que gosta e coleciona, ma eu não! #desabafo… Mas não é verdade?

    1. Barbiera, eu não gosto das MH também, mas tenho “inveja” porque elas tem roupas LINDAS, SEM economia de tecidos e variedades ENORMES, sapatos sempre diferentes e luxuosos!!!!!! suporte, articulações, tudo que a barbie teve\tem só que muito melhor, ainda são desmontáveis e tem móveis com diferentes cores, perfeitos, eles pensam que se colocarem isso na barbie, não iriam gostar, mas é o contrário, é o que queremos, será que custa tanto saber o que o consumidor realmente quer? ou será que a maioria dos consumidores só quer enganar as crianças com produtos baratos? as monster dão um show de tudo, uma que eu vi tem o corpo todo marcado de cicatrizes, outra parece de pedra, cada uma linda, só que não é meu estilo, mas desse a barbie roupas lindas, articulações ótimas, cabelos e suporte, não haveria quem não quisesse! até os colecionadores mais exigentes! mattel, #SELIGA!

      1. Pois é, Victor, sabe a crise de 2004, na qual a venda caiu devido á aquelas feiosas das Bratz? Obrigando a Mattel á criar as MyScenes? Agora ela própria criou um produto que pela primeira vez comcorre e até supera em vendas a Barbie, o carro-chefe da empresa desde sua existência. Estou falando algo muito sério, se a Mattel não se ligar, vai acabar sabotando a própria Barbie e ela entrará em crise novamente. Aí sim. Aí sim, ela vai se ligar que quem vai sustentar a empresa vão ser os COLECIONADORES.

        E tenho uma previsão um pouco triste. Como as crianças de hoje tendo contato cada vez mais cedo com a tecnologia e o mundo digital, a Barbie, o objeto, vai continuar apenas para coleção de adultos nostálgicos, como eu, lembrando dos tempos “da infãncia querida que os anos não trazem mais…”

  6. aconteceu parecido com algumas das bonecas das winx lançadas pela mattel, na linha picnic a foto da boneca da Musa até aparecia na parte de trás da caixa porém ela nunca foi lançada. a mesma coisa com a Tecna na linha concert

    1. Obrigada Pedro, Viktor, Raphael, BarbieLover, Fashion Doll, Cecília, Katia, Alê Campos, Barbiera, Marta e Gabriel pelos comentários. Acredito que em grande parte a não continuidade de uma coleção se dê em virtude da má recepção de uma boneca no mercado. É claro, se formos pegar algumas dessas bonecas, veremos que em alguns casos são até valorizadas hoje. Mas e na época em que foram lançadas? Será que deram certo? Não acredito que a fabricante simplesmente tenha deixado de completar a série por nada. Acredito, sim, de terem tomado determinadas atitudes em virtude de vendas que não alcançaram a expectativa mercadológica deles.
      É claro que isso é um desrespeito a quem coleciona e deseja completar a série. Mas até hoje vemos exemplos de que o interesse real da fabricante é angariar lucros, mesmo que com isso passe por cima da opinião dos consumidores. Fato é que não possuem um canal claro e direto de contato por meio do qual possamos expor diretamente nossas opiniões. Muitas vezes o espaço que dispomos são em blogs, fóruns de discussão e poucos canais em redes sociais. Ainda assim, sabemos que ouvem diretamente o público por meio de bate-papo com grupos privilegiados, como são os casos dos associados ao BFC, por exemplo, que pagam para fazer parte. Também acredito que de certo modo a empresa se baseie nas discussões disponíveis na web para decidir que rumo tomar sobre determinado brinquedo. Mas o que não se tem certeza é a frequência disso, e se isso realmente acontece. Ademais, colecionador que somos, em grande parte não desistimos de colecionar porque a fabricante pisou na bola. Pelo menos, não se tem informações de colecionadores manifestantes raivosos nas ruas por ai… rs
      Resumindo: esse problema apontado pelo André continua acontecendo, e sinceramente, acho difícil que vá parar de acontecer em breve. Provavelmente veremos outros exemplos acontecendo por ai. Quando e como isso vai parar? Alguém tem alguma bola de cristal por ai? Rs
      Beijo a todos!

Deixe seu comentário no espaço abaixo! Obrigada! :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s