Outros colecionadores: Raphael Dequech | Rio de Janeiro

Leitor do MBD, Raphael começou sua coleção por acaso e hoje, assim como muitos de nós, já possui inúmeras bonecas em seu acervo. Quer conhecer a história dele? Então, acompanhe!

Raphael e sua Nikki | Crédito da imagem: Raphael Dequech/Acervo pessoal

Sua primeira boneca foi uma Nikki Riviera: “Ô preta linda!”, diz ele que a ganhou de presente. E foi a partir de então que começou sua admiração pelo universo Barbístico: “A minha história é engraçadinha. Tive um relacionamento há um tempo, no qual o menino, na época de páscoa, me perguntou o que eu queria ganhar. Falei que não precisava de nada. Mas ele insistiu. E como sempre passávamos nas Lojas Americanas e víamos as Barbies, a Nikki Riviera sempre me chamava mais atenção, por ser negra, ter um cabelo liso, e ter o biquíni rosa com outras cores. Uma boca rosa clara, fazendo um grande contraste e deixando a boneca linda. Pensei: Ahhhh, tá bom, me dá uma Barbie!”, conta. Mas, não foi dessa vez que Raphael teve a oportunidade de ganhar a primeira boneca.

“Morreu aí! Na Páscoa, eis que a pessoa chega com quem? A Nikki Riviera (Nos EUA é Nikki Beach Party). E eu pensei: ‘Caraca ele trouxe! O que vou fazer com uma Barbie? O que minha mãe vai dizer? Será que minha irmã pequena vai querer?”. Vários foram os pensamentos. Presente dado, dois anos se passaram e o relacionamento acabou. A boneca ficou guardada”. Porém eis que o destino prega outra peça em Raphael, fazendo com que ele voltasse a pensar em bonecas… e no amor! Foi quando conheceu outra pessoa que, por coincidência, também colecionava Barbies.

Fashionistas | Crédito da imagem: Raphael Dequech/Acervo pessoal
Crédito da imagem: Raphael Dequech/Acervo pessoal

“Não sabia que a pessoa colecionava Barbies. Fomos na casa desse amigo (que também é leitor do MBD!) e eis que cheguei lá e me deparei com um mundo de Barbies, de toooooooooooooooooodos os tipos: loiras, morenas, ruivas, negras, S.I.S., Collector, Fashionistas, Fashion Fever, princesas, praia, atrizes, cantoras, My Scene, e etc. Mais ou menos umas 400 Barbies. Pirei o cabeção né!”, conta.

Após essa surpresa e apresentação ao mundo da diva de plástico, Rapha ganhou mais uma boneca. E seu desejo de conhecer ainda mais a história da Barbie e de seus amigos só aumentou. “No meu aniversário ganhei uma Fashionista Sassy (do chapeuzinho),  pois amo azul e ficava repetindo Teresa, Teresa, Teresa, achava engraçado esse nome para uma boneca! Então dai comecei a ter vontade de ter Barbies e pensei ‘Quero ter a Barbie e cada uma das amigas dela já inventadas!’ Depois recuperei minha Nikki (infelizmente ela tem pesão!) e comecei a comprar e ganhar mais e mais!”.

Mais Fashionistas | Crédito da imagem: Raphael Dequech/Acervo pessoal
Fashionista Sassy | Crédito da imagem: Raphael Dequech/Acervo pessoal
Crédito da imagem: Raphael Dequech/Acervo pessoal

Diferente de muitos colecionadores que compram suas bonecas novas, Raphael também investe em itens de segunda mão: “Também amo comprar Barbies usadas e tenho como hobby customiza-las. Por enquanto dou apenas retoque na make, mudo a cor, e faço rebody. Mas também penso um dia em fazer reroot. Tem uma feirinha de artigos usados próximo a minha casa e em todos os finais de semana, sempre que dá, vou lá e compro muitas Barbies! Já comprei até Collector! Já comprei cabeça também e boneca só por causa do corpo, novas e usadas”, explica o colecionador, que tem um apreço especial por Barbies negras, buscando sempre comprá-las e até entra em contato com a fabricante e lojistas, na esperança de motivá-los a produzirem e revenderem mais bonecas negras.

“Já mandei email pra Mattel do Brasil pedindo mais bonecas negras, falando da miscigenação do nosso país; já falei com os gerentes de loja e também com os promotores!”, revela. Mas nem sempre tem seu hobby compreendido. “Alguns criticam, outros acham legal, mas o mais importante é que me faz feliz. Fico radiante quando compro uma Barbie, principalmente se eu for apaixonado por ela, ou se ela for negra!”.

Atualmente o colecionador mantem suas bonecas expostas em um armário, mas pretende ampliar o espaço dedicado a sua coleção: “Pretendo me mudar e fazer uma parede com prateleiras e com porta de vidro pra colocar todas. Por enquanto, uma vez por semana tiro todas do lugar, limpo, espano, e coloco todas de novo, também utilizo álcool gel. Crianças? Passam longe do meu quarto! Brincadeira, mas eu fico de olho, e sempre deixo minha irmã pequena brincar quando estou arrumando”, diz.

Duas negras lindíssimas na coleção de Raphael | Crédito da imagem: Raphael Dequech/Acervo pessoal
Entre as bonecas, a March Aquamarine (em pé, do meio), um dos achados de Raphael na feirinha | Crédito da imagem: Raphael Dequech/Acervo pessoal
Alguns bonecos da linha Praia | Crédito da imagem: Raphael Dequech/Acervo pessoal

“Gente, esse caminho de colecionar Barbies é um caminho árduo… Difícil. Você precisa ter foco! Quando comecei, queria ter todas, I Can Be, Praia, Fashionistas, e etc. Mas é impossível, gasta-se muita grana. Hoje em dia opto pelas Fashionistas, mas também gosto de ter pelo menos uma loira, uma morena, uma negra e uma japa de cada coleção. As próximas serão as Collectors”. Por isso, Raphael deixa uma dica para quem ainda não iniciou sua coleção, e mesmo para quem já coleciona:Mantenha o foco e não deixe de comer, comprar roupas, sair, se divertir só pelas girls não… Faça tudo regradamente. Ou então mensalmente, ou a cada dois meses. Separe uma graninha e compre … enfim, cada um pensa com seu bolso! 😉 E obrigado Sammy pelo blog maravilhoso, pelas enquetes, novidades, promoções e oh gente, aceito doações hein! Hahahaha Beijos pessoal!”

Obrigada Rapha, por seu depoimento divertido! Tenho certeza que os demais colecionadores e leitores irão adorar sua história!

Anúncios

45 comentários sobre “Outros colecionadores: Raphael Dequech | Rio de Janeiro

  1. Que dolls lindas! Realmente, é difícil manter o foco. No começo eu também comprava todas as playline que achava bonitas. Comprei muitas, vendi muitas tbm, hoje meu foco são collectibles pivotais! Ou que eu pelo menos possa trocar o corpo por um pivotal. Me entristece ver que, as dolls negras já são poucas no mercado, e menos ainda pivotais… daí eu tenho pouquíssimas.
    Abçs e sucesso na coleção!

  2. Oi, Sammy e André! Estou sumida, mas voltei! Bem diversificada a coleção de Raphael, as playline do início dos anos 2000 até 2008 eram mais diferenciadas, hoje todas elas tem o rosto igual, salvo as amigas, mas que também tem seus padrões.Por isso, é bom e divertido modificar doll, mesmo que só a maquiagem, até chegar ao rerrot completo e até tingir com tinta acrílica, desde que o cabelo da doll for branco. Bjos, estou de volta!

    Oura coisa importante, meu facebook está temporariamente inativo, devido a uns problemas aqui, mas que estou resolvendo. Obrigada á todos que me mandaram parabéns, ganhei uma Holiday 2009 – e já tingi seus cabelos – que postarei fotos quando resolver meu perfil no face. BJOS!

    1. Barbiera, Obrigado!

      E concordo com você que as antigas era muito mais diversificadas, Barbie agora é tudo a mesma coisa praticamente…

      =(

      Sinto falta da era Fashion Fever, não colecionava ainda mas só vendo na internet, percebo que perdeu muito de FF para Fashionistas…não só na diversidade de Barbie e amigas, mas em Wardrobe!

  3. Ufaaaa, cheguei do trabalho agora!

    Obrigado Sammy, pelo carinho e por publicar as minhas humildes dolls! Obrigado por quem gostou também! Eu tenho muito amor pelas minhas dolls elas sendo collector, playline e nao faço distinção!

    Grande beijo a todos e para quem não conheceu minha história Barbistica, convido-os a ler este depoimento! Bjs a todos!

  4. Sei bem como é deixar de fazer coisas para comprar boneca, eu só deixo de fazer quando é algo que não gostaria, aí troco sim, mas quando quero outra coisa, compro, rs um dia aparecerei por esse Hall de colecionadores, e tenho dito huhuhuhuh

    1. Rsrsrsrsrs

      Viktor, já deixei de comprar roupa, de lanchar no Mc Donalds e no Burger King, kkkkk juro. Nesses dias pensei: “Caraca, um lanche do BG é metade do valor de uma Fashionista, não, não vou comer não, prefiro a BArbie”

      Juuuu-roooo! rsrsrs

  5. simplesmente lindas! tambem tenho da linha de praia desse ano a redley(summer) e o ken de bermuda azul (acho qe eles formaram um belo casal mesmo nao sendo a barbie ) mas toda vez qe eu brinco (pq eu brinco com elas) eu nao faço os dois como um casal de namorados pq e como se ele estivesse traindo a barbie!kkkkk

  6. São lindas estas Asha e Nichelle. Raphael, eu também gosto muito de Barbies negras e sei como é complicado já que elas nunca aparecem por aqui e ainda por cima diversas vezes são bem + caras. Fico muito chateado de ter que pagar mais por uma boneca só pelo fato dela ser negra, mas quando acho a versão negra mais bonita (quase sempre) acabo comprando independente do valor.
    Acredito que assim como nós vários outros comprariam as versões negras caso fossem disponibilizadas, mas infelizmente os fabricantes e lojistas ainda não tem essa visão.

    1. Muito Obrigado André!

      Esses comprei no Ebay, e estão chegando a Shani (da mesma linha) e uma Christie Sun Sensation.

      Fora o Steven que tb comprei, acho muito injusto não virem pro Brasil, ok… concordo que criança gosta mais das loiras, e isso é fato. Fui comprar um presente de dias das crianças pra minha irmã na rede LOJAS AMERICANAS, antes do dia 12. Ok, estavam colocando o estoque da Barbie “A Princesa e a Popstar” Blonde / Brunette.

      Depois do dia 12, fui lá novamente e SÓ TINHA A BRUNETTE!

      As loiras estavam quase que esgotadas.

      Porém, acho que independente disso, as lojas especializadas em brinquedos, deveriam trazer variações de Barbies negras tb, pois o foco é outro, e fã que é fã, compra mesmo!

      Enfim, por enquanto o unico meio é o ebay mesmo, se bem que muitas vezes vem com valores até aceitaveis, se tratando de real e dolar!

  7. Que bela coleção de play lines ! Também adoro as dolls de praia, as negras de biquini do Raphael são lindíssimas,adorei !
    Comecei a minha coleção com as fashionistas e acho elas muito bonitas.Apesar de hoje já não serem mais o foco de minha coleção,não consigo vender nenhuma delas.Quando a gente começa uma coleção , geralmente sai comprando tudo o que vê pela frente,depois a gente acaba se arrependendo de algumas aquisições…mas ainda assim,não tenho coragem em me desfazer dessas.
    Parabéns Raphael pela coleção! Beijos

    1. Obrigado Vivi!

      Você tem o nome da minha irmãzinha…rs

      Eu quando comecei, queria a Barbie e todas as amigas diferentes, independente do foco, mas estou aprendendo.
      Agora eu só adquiro, fora as Fashionistas, as negras, mesmo se for coleção praia e etc. e os novos facemolds, independente da coleção!

      Beijos e mais uma vez obrigado!

  8. Samira, eu sou garoto(como vc já teve ter notado) e estou querendo comprar uma Barbie, tenho 14 anos e não sei como levantar esse assunto com minha mãe. Ela pode achar que sou gay (e pode ser que eu seja), mas eu sempre fico de olho nas Fashionistas, será que vc ou alguns dos garotos poderia me dar dicas de como falar desse assunto com minha mãe? obrigado!! amo seu site.

    1. Pedro, esse seu questionamento é complexo afinal de contas cada pai/mãe tem opiniões diferentes do que é melhor para seus filhos. Porém acredito que tudo que a gente gosta deve ser tratado da maneira mais natural possível, sempre tendo argumentos para as opiniões de prós e contras.
      Apesar de eu nunca ter tido Barbies e Kens na infância, sempre tive bonecos e bonecas, meus pais me davam sempre que eu pedia pois nas minhas brincadeiras os “personagens” eram homens, mulheres e crianças e isto nunca teve haver com sexualidade, simplesmente com a forma que eu sabia (e gostava) de brincar. Você tem só 14 anos, muita coisa ainda pra aprender e descobrir; não fique muito preocupado com o fato de ser ou não gay, pois só o tempo e as experiências que terá futuramente lhe darão certeza do que você quer.
      Voltando às bonecas tente puxar o assunto de uma forma natural; diga que lê no blog sobre vários colecionadores de Barbie, inclusive homens e que você acha um hobby interessante e tem vontade de colecionar também. Muitas vezes ficamos com medo de dizer certas coisas a nossos pais mas só depois que falamos é que percebemos que a reação foi bem melhor do que esperávamos.
      Boa sorte com sua futura coleção e parabéns pela coragem de expor um assunto tão delicado.

    2. Olá Pedro, tudo bem?
      Parabéns pela coragem e pela atitude. Nesta vida sempre é válido perguntar, perguntar e perguntar. Por vezes temos medo de fazer perguntas, seja qual natureza for. Mas o máximo que você pode ouvir é um “não” e isso não será tão ruim assim, não podemos nem devemos esmorecer com uma resposta negativa, mas tirar sempre o lado positivo disso e aprender. Bem, como sou mãe de um menino, estou tentando me colocar nesta situação. No meu caso é mas fácil, coleciono, adoro esse hobby. Meu marido também adora colecionar e diz que se um dia eu viesse a faltar, ele continuaria a coleção. Estou dizendo isso porque ele é homem e não se envergonha nem se intimida quando pais ou irmãos acham graça da resposta dele, entende? Mas se meu filho um dia quisesse colecionar, eu respeitaria a posição dele (e daria até uma força, afinal de contas, né? Também curto bonecas! rsrs).
      No seu caso, como não conheço sua relação com os pais, faria o que André sugeriu também: sentaria com tua mãe (mãe é mais tranquila sempre pra conversar certos assuntos!) e falaria que gosta do hobby, que acha bacana, que outros homens colecionam e que não é isso que determina quem é ou não gay, entende? Se você se descobrir gay em algum momento, é em decorrência de outro fator e não de colecionar bonecas ou bonecos, compreende?
      Então, apresente essas informações a sua mãe. Mostre o blog se sentir vontade, diga a ela que é um hobby super saudável como qualquer outro, e que isso em nada afetará sua vida, pelo contrário: te dá alegria, faz com que você conheça outras pessoas com o mesmo gosto, enfim. Fique tranquilo. Estaremos aqui para lhe dar uma força, independente da resposta de teus pais.
      E principalmente: pai e mãe sempre querem teu bem. Não se rebele se algo der errado. Compreenda, espere a situação se acalmar e em outra oportunidade, tente conversar novamente. É conversando que a gente se entende!
      Beijo e espero ter ajudado.

      1. Uou, que belos conselhos você ganhou hein Pedro!

        Faça isso mesmo, você ainda é um menino, tem certas duvidas e realmente a mãe é sempre o caminho mais facil (ou menos doloroso)

        Crie coragem, diga que gay e barbie são caminhos diferentes que podem se encontrar, ou não. E que você se sente bem com isso.

        Te desejo muita sorte, e espero que você tenha uma grande familia e aliada como eu tenho a minha mãe.

        Grande beijo e se precisar, nós do blog estamos aqui!

  9. Eu gostei muito da história dele. Porque a maioria das histórias são bem iguais como “Ah, eu comecei a gostar de Barbie quando era pequena” normal isso de sentir admiração por bonecas quando se é pequena. Mas quando se trata de um garoto é diferente e especial. É um pouco dificil achar pessoas assim com sexo masculino gostando de Barbie, e no caso do Rapha ainda teve uma história linda por trás. Parabéns pela coleção. Adorei tuas dicas, e como você disse não pode deixar de comer e se divertir por conta das bonecas ^^ Minha mãe fica louca quando eu recebo a mesada e só compro barbies aushaush
    Mas é assim mesmo né, devagarinho eu completo uma coleção mesmo.
    Bjoo ;*

    1. Hahahaha!

      Ai Gio, mto obrigado! rsrsrs

      Eu já fiz isso, ja deixei de comer Mc Donalds , que eu amo e etc por causa de Barbie. Até de comprar roupa e sair, pois já tinha torrado a grana e o cartão de credito e não tinha mais de onde tirar…rs

      Hoje em dia não,…ah,,.. só um pouquinho…rs

      Um beijo Gio!

      E pessoal, mandem suas historia pra Samira! Ela é um doce e com certeza publicará!

      Eu particularmente,… AMO LER TODAS!

  10. Rapha, por acaso você mora em campinas ?, pois sempre que posso passo pela feira do Centro de Convivencia em Campinas, que tem uma barraca com brinquedos antigos, e sempre acho muitas Barbie antigas e outras coisas bem interessantes.
    E sua coleção é linda, parabens pelo capricho!
    Beijos
    Gislaine

    1. Rsrsrsrs… sou do Rio Gis.

      Aqui no RJ existem 2 feiras nas quais podemos comprar produtos usados em bom (ou não) estado.

      Outro dia um grande amigo comprou uma Lagoona (Monster High) completa por 5 reais!

      pois é… =O

      Essas de segunda mão gosto de customizar, mudar as roupas, penteado, e make! As minhas de loja ficam intactas…rs

      E obrigado pelos elogios!!!

  11. Muito legal a história do Raphael ! Sua preferência por dolls negras é sinal de muito bom gosto; suas peças são lindas!!! Concordo com sua aittude de procurar a Mattel e sugerir/cobrar mais bonecas negras.
    É isso ae, Raphael!!
    Curti muito, Sami! Obrigado!!!

    1. Muito obrigado Alê!

      Com certeza sempre que eu puder farei isso, já disse pra gerente de lojas de brinquedos que eles perdem muito por isso! Eles devem aproveitar de que de alguma forma, a distribuição é diferente e devem investir em produtos diferentes!

      =)

      Grande beijo Alê!

  12. Adorei a coleção e considero importante salientar que também podemos customizá-las, principalmente quando as ganhamos usadas! Parabéns!

    1. Oi Alessandra!!!

      É justamente isso que eu faço, e me da “AQUELE” prazer, quando pego uma dol sujnha e com aquele cabelo emaranhado, e cuido, limpo, dou banho, agua fria, quente, amaciante, penteado , imaginação, roupa, e sai uma doll… novinha em folha!!! =D

      Bjs!!!

    1. Oi Katia!!
      Muito obrigado pelo elogio!!

      Eu particularmente não curtia a LIV, justamente por ser um molde só.
      Mas depois que comprei, achei elas mega interessante pois até as mais basicas são articuladas, e também pelo fato das perucas, você tendo 3 bonecas bassicas por exemplo, consegue fazer uma infinidade de looks mudando praticamente tudo!!!

      Grande beijo!!

  13. Olá Sam, André, Raphael e pessoal!!!! Estava sumida, porque estive uns dias sem internet!!!! Mas agora estou de volta, e de olho nas novidades do MBD!!!!
    Adorei a sua história Raphael, muito divertida!!!! e as dolls super lindas, principalmente as dolls negras!!!! Concordo com você sobre as FF e as fashionistas!!!

  14. Hello from Spain: I enjoyed meeting with Raphael and his marvelous collection. I agree with him that I’m focusing my collection on Fashionista. I see that he has a very extensive collection. Keep in touch

    1. Hello Miss Martha!

      Thank you for your compliment!

      I’m glad everyone has enjoyed my collection, that compared to other people’s blog, it’s very simple and have 2 or 3 collectors only…

      Now my focus is Fashionistas, and one day I will have all the friends of Barbie already launched!!

      Kisses from Brazil!

      1. Obrigada BarbieLover, Lady LoLo, Barbiera, Viktor, Pedro, André, Vivi, Giovanna, Fabrício Longo, Gislaine, Magda, Alê Campos, Alessandra, Katia, Fashion Doll, Marta, Nathália e Raphael pelos comentários. Barbiera, também tenho a 2009. Gostaria muito de ver o resultado, para conferir como ficou esse look cor de rosa! 😉 Viktor, já lhe disse: me envie um email para conversamos sobre sua participação na seção, viu?
        Fazer esse post sobre o Rapha foi muito gostoso, assim como sempre curto conhecer a história dos demais colecionadores que tive a oportunidade de apresentar aqui. E também tenho certeza que os demais leitores que também colecionam adoraram conhecer um pouco mais da coleção e história do Rapha, sempre simpático e um rapaz excelente!
        Um beijo, Rapha, e obrigada por me dar a oportunidade de te conhecer um pouco mais! E muito obrigada a todos pela visita e comentários 😉

  15. Legal ver mais gente do Rio mostrando suas coleções. E finalmente alguém que pensa como eu, em ter foco. E claro, colecionar não pode ser uma prioridade, afinal temos outras coisas pra fazer na vida. Parabéns pela coleção Rafael, com certeza você vai longe, e terá uma baita coleção, com muita paciência e dedicação. Beijos!!

  16. Olá, meu nome é nicoly, eu tenho 12 anos e estou procurando algumas barbies e kens que sairão do mercado.
    Ken príncipe as três mosqueteiras
    Bonecas Mattel Barbie Fashion Fever Tranças no cabelo
    Fairytopia Mariposa PRINCE KEN Doll
    ken beach riviera party
    Voce poderia me ajudar a achar esses bonecos, eu moro emsão paulo.

Deixe seu comentário no espaço abaixo! Obrigada! :)

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s